Glossrio de cor CECOR
10/03/2013
Ambientes coloridos e saudáveis


Como você se sente no seu ambiente de trabalho?

Um ambiente de trabalho agradável influencia diretamente no desempenho do profissional.
Limpeza, harmonia de cores e pouco barulho contribuem para o equilíbrio e fazem a diferença para o bem-estar dos colaboradores.
A escolha das cores do espaço é um fator importante.
Tons pastéis e suaves provocam sensações relaxantes, enquanto cores fortes e escuras causam irritação e depressão. Quer experimentar? Observe acima a tabela de cores e suas sensações e veja se você se identifica.
A criação de um conjunto harmônico entre cores e mobiliário propicia condições favoráveis à saúde física e mental do trabalhador. Ambientes claros e arejados melhoram a produtividade e o clima organizacional. Já os mobiliários adequados previnem doenças associadas às más condições de trabalho, postura inadequada, fadiga e estresse como a LER/DORT – Disfunção Osteomúscular Relacionada ao Trabalho.
A equipe Blog da Saúde ouviu Nelson Bavaresco, designer gráfico, artista plástico e  desenvolvedor do SCC – Sistema de Cores Cecor, sobre a importância pela busca da harmonia entre cores e mobiliário no ambiente de trabalho. Brevemente ele estará lançando o livro Harmonia das Cores, Técnicas de combinações para Arquitetos, Decoradores, Designers e Estilistas, que abrange todas as combinações tonais e as técnicas para o planejamento cromático.

1. As empresas, atualmente, seguem a tendência de escolher as cores certas para criar um ambiente de trabalho mais agradável? Muitas delas procuram o senhor? Ainda não existe no Brasil o hábito de empresas encomendarem projetos cromáticos ou mesmo contratarem consultoria especializada. Assim, estamos apostando mais na didática e na cultura da cor.

2. Quais dicas você daria para a criação do ambiente, onde cada cor ficaria melhor? Cada caso é um caso e numa organização, quer seja um hospital, uma escola, uma fábrica, uma residência etc, haverá sempre ambientes distintos para se aplicar os efeitos psicodinâmicos das cores, assim como um certo número de variantes relativas ao usuário de cada ambiente. Isto requer uma metodologia de planejamento cromático.

3. Qual a influência direta das cores na rotina das pessoas? A influência é total, embora de forma subjetiva. A visão é um canal de percepção responsável por algo em torno de 80%, enquanto o restante 20% se divide entre os demais canais perceptivos. Há ainda a questão dos simbolismos e dos efeitos da radiação eletromagnética da luz. Por outro lado a cor não existe concretamente, é apenas um fenômeno cerebral!
 
Texto publicado originalmente em:
http://www.cbnfoz.com.br/saiba-mais-sobre-saude/editorial/viva-melhor/11032013-15710-ambientes-coloridos-e-saudaveis


© 2010 - 2017  Gerart Design e Recursos Visuais Ltda, para todos os textos e imagens.